buscar
Alta Floresta - MT, 23 de agosto de 2019. 12:38hs
PortuguêsInglêsEspanholItaliano

Notícia Exata

Menu

EDUCAÇÃO

Profissionais da educação de Alta Floresta suspendem greve e aulas voltam segunda-feira (12)

09/08/2019 - 08:32hs. - Fonte:

Profissionais da educação de Alta Floresta suspendem greve e aulas voltam segunda-feira (12)

Os profissionais da educação de Alta Floresta realizaram ontem, quinta-feira (08), assembleia geral para tratar sobre a proposta apresentada pelo governo do estado, visando encerrar a greve deflagrada no dia 27 de maio. A greve durou 74 dias.

De acordo com Ilmarli Teixeira, presidente da Subsede e do Polo Regional do Sintep ema proposta apresentada pelo Governo foi parcialmente acatada e diante disso, os profissionais decidiram suspender a greve e retornar as salas de aula na próxima segunda-feira (12).

Entre os itens da pauta atendidos pelo governo está a prorrogação da validade do concurso público, que tinha como validade 30 de junho de 2019 e foi prorrogado até 2020.

A expectativa é que no 2° semestre 681 trabalhadores aprovados no concurso sejam chamados para tomar posse.

Outro ponto é o governo do estado estabelecer um planejamento com cronograma para execução de melhorias na infraestrutura de 400 escolas denunciadas pelo Sintep em condições inviáveis de funcionamento.

Ilmarli também destacou que houve a conquista do pagamento de 1∕3 de férias para os professores interinos, ou seja, os contratados temporariamente. Além disso, houve a liberação das licenças prêmios e para qualificação profissional, que estavam suspensas pelo Governo do Estado.

Em Alta Floresta, por meio da greve, também foi garantida a retomada da construção de 12 salas de aula para o CEJA, que atende jovens e adultos.

Quanto a valorização salarial, Ilmarli disse que no momento o objetivo não foi alcançado, que era de 7,69%, mas que houve o compromisso para a próxima data base das categorias, que é maio de 2020, ocorra a implementação dos valores.

“Ontem na nossa assembleia, entendemos que não era mais possível continuar, em função dos limites emocionais, psicológicos e financeiros, porque muitos já estavam passando necessidade. O ato do governo do estado foi arbitrário, mas nós conseguimos mesmo através da força e do enfrentamento, trazer de volta a melhoria das condições para a educação”, pontuou Ilmarli.

Ilmarli também agradeceu o apoio recebido e de doações realizadas a profissionais que enfrentavam dificuldades para se alimentar.

“A luta foi importante, mas as vezes é preciso termos a inteligência de sabermos o momento de recuar, em nome do Sintep de Alta Floresta quero agradecer a todos que contribuíram, inclusive com doação de alimentos. Quero agradecer a todos os pais que estiveram ao lado dos trabalhadores, as críticas são salutares, mas muitas vieram acompanhadas de hostilidade, mas é preciso sabermos que dentro de um movimento grevista muita coisa está em jogo”, pontuou.

 

Fonte: Redação Notícia Exata - Foto:Divulgação

Olá, deixe seu comentário.

Você precisa estar logado para enviar comentários.
CLIQUE AQUI PARA LOGAR

SOBRE NÓS
Expediente |  Fale Conosco |  Quem Somos


NOTÍCIA EXATA
Telefone: (66) 9 9912-8992 ou (66) 9 8436-0806
E-mail: contato@noticiaexata.com.br
Endereço: Rua A-4, nº 412, Setor A, Centro, CEP: 78580-000, Alta Floresta - Mato Grosso

Clay José Frantz ME - CNPJ: 13.321.695/0001-55
Todos os direitos reservados - É proibida a reprodução de matérias sem ser citada a fonte.