buscar
Alta Floresta - MT, 19 de outubro de 2019. 16:20
PortuguêsInglêsEspanholItaliano

Notícia Exata

Menu

CIDADES

Alta Floresta: moradores de comunidades vão à câmara e cobram medidas quanto a implantação de pedágio na MT-208

08/10/2019 - 15:00 - Fonte: Redação Notícia Exata - Foto: Divulgação

Alta Floresta: moradores de comunidades vão à câmara e cobram medidas quanto a implantação de pedágio na MT-208

Moradores das comunidades localizadas nas estradas vicinais 3ª Leste e 4ª Leste, zona rural de Alta Floresta estiveram na manhã de hoje, terça-feira (08), realizando um manifesto durante a sessão ordinária da câmara municipal.

A medida segundo uma moradora é devido a implantação da praça de pedágio na MT-208 a poucos quilômetros das duas vicinais, o que irá onerar os produtores, muitos se deslocam várias vezes ao dia ao município de Alta Floresta para comercializar os seus produtos.

Segundo ela, as comunidades da 3ª e 4ª Leste, assim como também a comunidade Escolar Mundo Novo querem que os vereadores de Alta Floresta façam jus às suas funções e intercedam pela assunto.

“Queremos respostas e se não for feito nada iremos nos mobilizar e fazer mais protestos até que nossos representantes vão à luta pelo nossos direitos”, disse Mariana dos Santos.

Os moradores relatam que não são só os produtores que serão prejudicados mas também toda população.

“E se fosse você? Você pagaria R$ 16,00 R$ 32,00, R$ 48,00 ou R$ 64,00 para vender seus produtos? Para ir trabalhar? Tem produtor que vai de duas a três vezes até a cidade no dia”, disse.

Como resultado os moradores conseguiram uma reunião na tarde de hoje com o prefeito Asiel Bezerra. Conforme a moradora, hoje a noite irão até Carlinda participar da audiência pública sobre a praça de pedágio que será realizada naquele município.

“Fomos cobrar não apenas dos vereadores, mas também de certa forma dos deputados e senadores que nos representam”, disse Mariana.

A preocupação dos produtores e empresários é com relação ao local do pedágio, pois segundo eles a praça de cobrança ficará a 13 quilômetros de distância do Trevo São Cristóvão, entrada principal de Alta Floresta, no sentido ao município de Carlinda.

O Consórcio Via Brasil arrematou dois lotes de privatização de rodovias estaduais em Mato Grosso, sendo um de 188,2 Km entre as rodovias MT-320 e MT-208 passando por Alta Floresta.

Existem 2 fotos na galeria deste artigo.

Olá, deixe seu comentário.

Você precisa estar logado para enviar comentários.
CLIQUE AQUI PARA LOGAR

SOBRE NÓS
Expediente |  Fale Conosco |  Quem Somos


NOTÍCIA EXATA
Telefone: (66) 9 9912-8992 ou (66) 9 8436-0806
E-mail: contato@noticiaexata.com.br
Endereço: Rua A-4, nº 412, Setor A, Centro, CEP: 78580-000, Alta Floresta - Mato Grosso

Clay José Frantz ME - CNPJ: 13.321.695/0001-55
Todos os direitos reservados - É proibida a reprodução de matérias sem ser citada a fonte.