Alta Floresta (MT), 27 de fevereiro de 2017 - 05:43

Hamoa banner 2017

Polícia

16/02/2017 14:39 Assessoria | PJC-MT

Polícia Civil prende assaltantes de banco que fizeram família refém em Campo Verde

Três pessoas envolvidas no roubo à agência do Banco do Brasil de Campo Verde (131 km ao Sul de Cuiabá), em que a família do tesoureiro do banco foi feita refém, foram presas pela Polícia Judiciária Civil (PJC), na manhã desta quinta-feira (16.02). A ação da Delegacia de Campo Verde, com apoio da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), resultou ainda na recuperação de mais de R$ 170 mil em dinheiro, roubados da agência.

Os suspeitos, Eduardo Nonato da Silva, de 26 anos, Washington Alves da Silva, de 22, e Camila de Souza Silva, naturais do estado do Pará e residentes em Tocantins, foram autuados em flagrante pelos crimes de extorsão mediante sequestro e associação criminosa.

Na madrugada de terça-feira (14.02), criminosos fortemente armados invadiram a residência do tesoureiro do Banco do Brasil de Campo Verde, e fizeram reféns os familiares do bancário. Logo que amanheceu, o tesoureiro foi obrigado a ir até agência do Banco de Brasil e sacar grande quantia em dinheiro. Depois de entregue o valor exigido, os assaltantes fugiram do imóvel.    

Logo que a Polícia Civil foi procurada pelas vítimas e os fatos foram comunicados, os investigadores iniciaram diligências para identificar os autores do roubo, praticado na modalidade conhecida como “sapatinho”. A primeira pista apareceu quando, na quarta-feira (15.02), Eduardo compareceu à agência da Caixa Econômica Federal de Campo Verde, com a quantia de R$ 57 mil em dinheiro e efetuou o depósito para uma conta do estado do Pará.

Já nesta manhã de quinta-feira (16.02), o suspeito retornou ao banco com mais R$ 15 mil em dinheiro para realizar outro depósito. Na ocasião, a funcionária do caixa reparou que os números das notas depositadas pelo rapaz estavam na sequência de série, suspeita que levou a atendente a acionar a polícia.

Ao ser abordado pelos investigadores, Eduardo acabou confessando a autoria do roubo. Ele indicou uma casa no bairro Estação da Luz, onde estava outra parte do dinheiro subtraído do banco. Durante buscas no local mencionado, os policiais civis conseguiram surpreender Washington e Camila, os outros envolvidos no crime. No imóvel, também foram apreendidos um revólver calibre 38, e a quantia de R$ 100 mil em dinheiro.

Diante do flagrante, Eduardo e Washington foram conduzidos à Delegacia de Polícia de Campo Verde, onde foram autuados pelos crimes de extorsão mediante sequestro e associação criminosa. A equipe da GCCO também está na cidade para proceder com os interrogatórios dos presos.

Participaram da ação os policiais da Delegacia de Campo Verde, coordenados pelos delegados Rafael Sippel Fossari e Mario Roberto Santiago Junior, com apoio da equipe do GCCO.


Novo whats 190Doe313ok

Notícia Exata

Endereço: Rua A-4, nº 412 - Setor A - Centro
Alta Floresta - Mato Grosso
Fone: (66) 9912-8992 ou (66) 8436-0806
Cep.: 78580-000
contato@noticiaexata.com.br

Redes Sociais

Cotação
Dólar 3,1133
Euro 3,2891
24/02 15:55

Notícia Exata © 2010 - Todos os direitos reservados - É proibida a reprodução de matérias sem ser citada a fonte.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo